Língua de sapo é uma fita adesiva de grudar insetos

A gente já sabe que os sapos e rãs usam suas línguas pegajosas para comer insetos e outros animais, mas os cientistas não sabiam direito como a língua grudava nos seus alvos.

Mas um novo estudo com sapos-de-chifre revela que a língua funciona como uma fita adesiva e gruda na presa com a pressão da batida.

Como dá pra ver no vídeo aqui embaixo, o sapo tira a língua da boca como se estivesse desenrolando um tapete e o inseto acaba grudando na parte de baixo do órgão:

Para estudar as línguas em ação, os cientistas colocaram grilos atrás de um vidro e enganaram os sapos, que tentaram comer os insetos mesmo assim. Com câmeras de alta-velocidade, foi possível gravar o instante em que os apêndices da língua batiam no vidro, grudavam e depois se soltavam.

Fonte: Science Magazine

Deixe seu comentário