Satélites ajudam na localização de gatos ferais

Agora, imagens de satélite podem ajudar cientistas na localização de gatos ferais,  que são gatos domésticos que passaram a viver longe de humanos e em estado selvagem.

Mas calma: os satélites não são tão sensíveis a ponto de seguirem os movimentos individuais de cada um dos animais.

Um novo estudo utiliza informações de como a vegetação muda com o tempo para predizer onde estão os gatos. Quanto mais plantas existem na região, mais rica ela é em vida – e logo, em gatos também.

Feral cat. Foto: Kunal Mukherjee

A descoberta é bem importante porque os gatos ferais são os principais predadores de aves nativas e pequenos mamíferos em todo o mundo.

Um estudo de 2013, publicado na revista Nature, estima que estes animais matam entre 1,4 bilhões e 3,7 bilhões de aves e até 20,7 bilhões de pequenos mamíferos todos os anos.

Fonte: Science Magazine

Deixe seu comentário