Macacos-prego usam bigornas para quebrar frutos

Aqui no Manual do Mundo, já conseguimos furar um coco com a ajuda de uma bala 7 Belo, mas tem uma espécie de macaco-prego que é tão esperta quanto a gente.

Os primatas da espécie Sapajus libidinosus usam pedras como bigornas para quebrar os frutos duros do tucum rasteiro (Astrocaryum campestre), árvore comum na região da Caatinga. E não é só isso: os macacos mais jovens aprendem a habilidade ao observar seus parentes mais velhos.

Veja o macaco em ação nesse vídeo:

O novo estudo, que foi feito no Piauí por um grupo de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), revela que esses primatas ajustam a força da pancada de acordo com o tipo de fruto. Assim, eles têm menos chance de esmagar a parte molinha do meio da noz depois de quebrar a casca dura.

Segundo o professor Michael Haslam, da Universidade de Oxford, os resultados são importantes para provar que esses animais não são robôs sem cérebro que estão apenas imitando os humanos e mostram que temos muito a aprender sobre a capacidade criativa dos macacos-prego.

Para saber mais sobre o grupo de pesquisa, basta acessar o site do EthoCebus, coordenado pelo Instituto de Psicologia da USP.

Fonte: New Scientist

Deixe seu comentário