O seu rosto pode dizer muito mais do que você imagina

face

Pesquisadores da Universidade de Rice, nos Estados Unidos, estão desenvolvendo um sistema super preciso que precisa apenas do rosto dos pacientes para monitorar os seus sinais vitais.

O mecanismo, batizado de DistancePPG, usa câmeras para as análises e consegue medir o pulso e a respiração da pessoa ao analisar as variações em sua cor de pele, que são imperceptíveis a olho nu e acontecem por causa de mudanças na pressão sanguínea. O sistema não é inovador, mas funciona em condições de pouca luz e consegue ser preciso mesmo se a pessoa tiver a pele mais escura ou se houver movimento.

Os responsáveis pelo estudo revelaram que tiveram a primeira ideia para desenvolver o DistancePPG ao observar a UTI do Hospital Infantil no Texas e lá eles notaram que cada bebê precisava de uma quantidade enorme de equipamentos para monitorar suas condições vitais. Por isso, eles acreditam que o equipamento poderá ser usado em para bebês prematuros ou recém-nascidos, que precisam de maiores cuidados dos médicos.

Além disso, os cientistas esperam que, no futuro, o software de seu novo mecanismo esteja disponível para ser usado também em telefones, tablets e computadores.

Fonte: Eureka Alert

Deixe seu comentário