Tatuagem temporária ajuda a medir nível de glicose

Os diabéticos precisam sempre controlar o nível de glicose em seus organismos porque eles têm deficiência na produção de insulina, hormônio responsável pela absorção do açúcar pelas nossas células.

Atualmente o único jeito de medir a quantidade de glicose em nosso corpo é com uma pequena amostra de sangue, que geralmente vem de uma picadinha no dedo. No entanto, cientistas da Califórnia deram um passo adiante em suas pesquisas e desenvolveram um dispositivo elétrico parecido com uma tatuagem temporária, que consegue medir a quantidade de glicose no organismo.

ACOBS SCHOOL OF ENGINEERING/UC SAN DIEGO

O sensor foi colado na pele de sete pessoas, sendo quatro homens e três mulheres, e mediu os níveis de glicose enquanto os voluntários comiam uma refeição rica em carboidratos, presentes em alimentos como pão, batata e macarrão. Nenhum deles sentiu qualquer desconforto durante o tempo que estavam com a tatuagem temporária.

Por enquanto o sensor dura somente um dia, mas os pesquisadores querem aperfeiçoá-lo ainda mais para que ele fique mais barato, possa ser usado por mais tempo e transmita os dados de cada paciente via Bluetooth para que o médico acompanhe tudo em tempo real.

Ainda não temos skates voadores como os de Marty McFly em De Volta Para o Futuro, mas temos a tecnologia andando bem rápido a nosso favor.

Fonte: Revista Science

+ Ibuprofeno prolonga expectativa de vida dos organismos
+ Drible na faca

Deixe seu comentário