Fogo da fumaça roxa (Superquímica)

Em mais um episódio de Superquímica, o Manual do Mundo traz a incrível experiência do fogo de fumaça roxa. Antes de tudo, lembre-se: os experimentos do superquímica são muito divertidos, mas não é pra tentar em casa. Não vai se arriscar, hein?

+ Revelação impressões digitais
+ Gênio na garrafa

Ficou curioso pra saber o que rola pra deixar essa fumaça toda colorida? Nada mais é do que parte da reação química entre o iodo e o alumínio, formando a substância iodeto de alumínio. A fumaça roxa vem do iodo, já que essa é uma reação química muito exotérmica (solta muito calor). Desse modo, o iodo, a partir de certa temperatura, sublima (passa do estado sólido pro estado gasoso) e forma aquela fumaça na cor violeta. Sim, violeta e não roxo, já que a palavra iodo vem do grego iodés, que significa violeta.

Outro ponto legal dessa experiência: como foi feito o fogo usando o água? A resposta é que é a água é o catalisador dessa reação. Ou seja, aumenta a velocidade e potencializa a reação. Legal, né?

“Ah, mas Manual do Mundo, eu quero muito fazer uma fumaça roxa em casa!” Não! Primeiro, você não vai encontrar o iodo em qualquer loja. Segundo, a fumaça criada a partir da reação é tóxica. Ou seja: melhor só ver no vídeo, né?

Veja mais experimentos incríveis do superquímica aqui.

Deixe seu comentário