Profissão perigo: caçadores de tempestades e furacões

20121112102003304


No filme “Twister”, de 1996, uma equipe de cientistas enfrenta diversos riscos e aventuras tentando se aproximar de tornados para realizar experimentos meteorológicos de suma importância.

Na época, o “cinema-catástrofe” estava em voga explorando todo o potencial de efeitos especiais computadorizados para produzir as mais deslumbrantes destruições na telona, mas ainda assim as cenas de tensão e adrenalina conseguem ilustrar os riscos da atividade desempenhada por caçadores de tempestades, furacões e outros eventos climáticos de alta periculosidade.

Há alguns anos, o canal no YouTube Basehunters Chasing se dedica a publicar os incríveis registros captados em filmagens destes fenômenos, quase literalmente, “no olho do furacão”. Neste mês foi publicado um fantástico vídeo em time lapse mostrando o desenvolvimento de uma tempestade sobre as planícies de Newcastle, cidade localizada no estado americano de Wyoming:

Clique aqui e aprenda a fazer raios em casa!

O fotógrafo Mike Hollingshead também coloca a própria vida em risco para conseguir capturar as melhores imagens. Em suas aventuras pelo sombrio universo do mau tempo, ele costuma percorrer em média 32 mil quilômetros por ano com seu carro  atrás de fenômenos climáticos épicos, como relâmpagos, tempestades e tornados.

O resultado são fotos absolutamente impressionantes, como estas abaixo:

Clique aqui para descobrir como se proteger dos raios durante uma tempestade!

Deixe seu comentário