Qual a diferença entre um alto-falante e um subwoofer?

Caixa de som
Subwoofer reproduz apenas sons graves e subgraves (Foto: Stock.xchng)

O subwoofer é um alto-falante específico para as frequências graves e subgraves, aquelas que são abaixo de 200Hz, detalha o engenheiro de som Fernando Braga, da UFMG.

O ouvido humano é capaz de captar frequências de 20 a 20 mil Hz. Um alto-falante comum é anunciado como capaz de alcançar todas estas frequências mas, na prática, reproduz normalmente apenas as frequências médias e médias altas, diz o mestre em computação musical Santiago Dávila. O resultado varia de acordo com equipamento mas, em média, ficam acima de 200 Hz e não costumam passar de 4000 Hz.

Por isso, quem quer apreciar um som de qualidade, deve apostar não só no subwoofer, mas em um sistema com outros alto-falantes menos conhecidos, como os squaker, para frequências médias, e os twitter, para as altas. “Pensando em um home theater, por exemplo, o padrão é ter caixinhas que reproduzem ao mesmo tempo os médios e os altos e ter também o subwoofer”, conta Dávila. “As caixas menores, com frequências altas, precisam ser direcionadas para você, já o subwoofer, não. Você só precisa de uma caixa, porque o som dele se espalha para todos os lados.”

A caixa do subwoofer costuma ser a maior de todas porque é mais difícil escutar as frequências baixas. “Por isso, se o vizinho está tocando bateria a uma quadra, você vai ouvir os sons dos pratos que têm frequencia mais alta. Agora, o bumbo você não vai ouvir.” O diâmetro da membrana da caixa de um subwoofer, portanto, é maior porque é preciso deslocar muito mais ar para que você possa ouvir os sons das frequências graves. Mesmo nos sistemas atuais mais compactos, as caixas de subwoofer são sempre as maiores.

Pergunta enviada por Valdek Waslan Oliveira. Tem alguma Dúvida Cruel? Escreva para [email protected] e a gente responde.

Deixe seu comentário